terça-feira, 30 de junho de 2009

Sobre a privacidade do Orkut


Depois que inseriram a opção de visualização de visitas no Orkut nasceu um novo tipo de usuário: um grupo de intolerantes hipócritas que ficam “chateadíssimos” quando percebem que seu perfil foi visitado por alguém de fora de sua rede de contatos. Tratam de enviar recadinhos ridículos do tipo “Retribuindo a visita” ou “Eu não lembro de você”, como se um participante deste site estivesse fadado a visualizar apenas páginas de conhecidos. No mínimo essa frase é uma tentativa de rotular de “bisbilhoteiro invasor de privacidade” a quem visitou. Para mim, uma tentativa frustrada, pois entendo que quem não quer ser visto ou quem usa este site apenas para pesquisa, não preenche formulário no Orkut. E não adianta dizer que sua conta é apenas para manter contato com a família, porque para isso existe o bom e velho e-mail.

Semana passada visitei o perfil de uma moça e no dia seguinte veio a hedionda frase em meu scrapbook: “Retribuindo a visita”. Demorei cinco minutos para elaborar a seguinte resposta:

Às vezes fico à deriva neste "mar de silício" e vou "visitando" páginas, observando pessoas, gostos [bendita festa de São João que desregulou meu tão disciplinado horário de dormir! risos]. Deve ter sido assim que acabei descobrindo seu Orkut. Eu não me importo com essas eventuais visitas de desconhecidos, porque o Orkut é assim mesmo: território de acessos imprevisíveis, onde quem decide o que o outro pode saber somos nós. Em todo caso, bom final de semana e fique com Deus por companhia”.

A chata deletou meu recadinho e não me importunou mais.
***
Descrição da foto: uma maçaneta de uma porta com a placa: "privado".

11 comentários:

  1. Eu faço duas coisas com quem me visita e desconheço. 1ª retribuo a visita e xereto um pouco, se gostar do perfil talvez escreva alguma coisa que temos em comum para saber se aparece resposta, caso não goste ou ache o perfil estranho bloqueio o usuário.
    E bloqueio sem pena nem dó... Rumo aos 999 ignorados.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Rosane Vilaronga1 de julho de 2009 04:30

    Ei, Patra!!!

    Eu adoro visitar os perfis dos amigos dos amigos dos amigos dos amigos dos amigos dos meus amigos... RSRSRSRS
    E fico frustrada quando tento deixar um recadinho ou conhecer um pouco mais sobre a pessoa e não posso por conta de o acesso ser restrito; porém, entendo perfeitamente que a pessoa apenas tem uma necessidade enorme de privacidade e...
    É isso aí: se não queremos ser vistos, não nos mostramos!!!

    Sabe que eu fico feliz da vida quando encontro um contato desconhecido que visitou o meu perfil?

    Beijos coloridos e estrelados!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Assim que
    tiver mais
    elementos
    argumentati
    vos, me pro
    nunciarei.

    ResponderExcluir
  4. “Tas sabeno do tar computado? Eles dizem que é a evolução. Eu ainda me alembro de quando chegou a tar televisão com aqueles meio mundo de botão e já me deixava perdidin, perdidin! Agora me vem esse tar computado e me aparece cada nome estrambolico, xisfiti, anderlaini, daunloade, mas o pior que ouvi foi orcuti ainda bem que minha falecida mãe num ta aqui pra ver as pessoas convidano as outras pra entrar no orcuti delas, evolução que nada pra mim são todos um bando de sem vergonha”.

    Aproveitando a “ponga” para “filosofar” (risos),

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Oi Paty!

    ADOREI seu texto!

    Já enviei algumas respostas semelhantes à sua para os incomodados com as visitas de desconhecidos no orkut. Mas afinal, orkut não é pra isso mesmo??? Quem estiver incomodado com as visitas de 'estranhos' que exclua seu perfil do orkut!

    Beijos!

    Amanda

    ResponderExcluir
  7. Retribuindo a visita no gtalk. Ainda alguma dúvida sobre o twitter?

    ResponderExcluir
  8. Olá Paty, na realidade com essa onda de fakes não sabemos quem é quem no mundo virtual, pois é, um mundo de fantasia, fantasmas, falsos personangens. Tenho Orkut, mas não sei se felizamente ou infelizmente não sou muito visitada por estranhos (aliás, quase nunca, porque será???) , acho que não estranharia rsrsrsrsrs. Acredito que o que está faltando em mim é exatamente isso, bisbilhotar, me aventurar nesse mundo de fantasia, sendo eu mesma (pelo menos sendo o que acho que sou) e quem sabe me deparo com pessoas criativas e inteligentes como você.
    Um grande abraço,

    ResponderExcluir
  9. Metalder - O Homem-Máquina14 de setembro de 2009 06:42

    Eu bloqueei tudo nos meus perfis do orkut! Tenho dois, um "familiar" onde exponho meu lado humano, social e outro perfil "fake", que na verdade considero ser o meu original, onde mostro quem realmente sou... Não vou negar, bloqueio tudo em ambos, no primeiro, porque não quero ninguém fora os que estão adicionados vendo minha privacidade e no segundo, porque se algum de vocês vissem as fotos que eu coloco, iriam ficar horrorizadas, perplexas e enojadas, hehehehehe!!!

    ResponderExcluir
  10. eh... jah sei q vc gosta d fuçar por ai! ^^
    Soh vc!!!

    ResponderExcluir

Comente! É de graça! =]